Alerj aprova emenda de Bruno Dauaire para a Santa Casa de SJB

bruno

Com o fim do recesso, Bruno irá cobrar do governo, além do compromisso com a Santa Casa, o cumprimento de outras emendas já apresentadas

Estão assegurados no orçamento do governo estadual para este ano R$ 328 mil em investimentos para a Santa Casa de Misericórdia de São João da Barra. A emenda foi apresentada pelo deputado Bruno Dauaire (PR) e aprovado pela Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj). Os recursos serão destinados para a garantia do atendimento ambulatorial e hospitalar. No próximo mês, com o fim do recesso, Bruno irá cobrar do governo, além do compromisso com a Santa Casa, o cumprimento de outras emendas já apresentadas, como aquisição de ambulância, implantação de um centro de comercialização comunitária no município e construção de um DPO em Cajueiro.

— São investimentos que São João da Barra precisa muito. O município passa por uma crise e sente também os reflexos da crise estadual. O momento é de buscarmos todos os recursos possíveis para que o cidadão sanjoanense não sofra mais ainda por um 2016 bastante complicado e um 2017 que ainda não sabemos como será não só no município, que conta com a receita dos royalties do petróleo, mas no Estado do Rio e em todo o país, que enfrenta um período de recessão – defende Bruno.

Além dos recursos específicos para São João da Barra, Bruno Dauaire tem lutado para que emendas de sua autoria, destinadas a toda a região, sejam executadas pelo governo. Entre elas a que destina recursos para o monitoramento de barragens, implantação de uma unidade da Ceasa, capacitação de agricultores, inclusão digital de jovens, incentivo à frequência escolar por meio da educação esportiva, novos veículos e equipamentos para o 8º BPM e criação da Região Metropolitana do Norte Fluminense.

Bruno Dauaire adverte prefeitos sobre nomeações nas Guardas Municipais

brunnO prefeito que nomeou comandante e outros cargos comissionados para a Guarda Civil Municipal que não pertençam à corporação vai ter que exonerá-los, a fim de cumprir o que determina a Lei Federal 13.022, de 2014, que instituiu o Estatuto Geral das Guardas Municipais. As exceções são para os casos em que a guarda esteja em processo de implantação e até os primeiros quatro anos de funcionamento.

Levantamento da Frente Pró GMs RJ mostra que, das 92 novas gestões, 18 não estão cumprindo lei. Na lista foi incluída São João da Barra, apesar de a nomeação ainda não ter saído no Diário Oficial. É que a prefeita Carla Machado já anunciou que a Guarda será comandada pelo major da PM Maxwell de Araújo.

O deputado estadual Bruno Dauaire (PR), presidente da Comissão de Representação das Guardas Municipais na Assembleia Legislativa (Alerj) está encaminhando ofício a todos os prefeitos do Estado do Rio para informar o teor do artigo 15 da lei: “Os cargos em comissão das guardas municipais deverão ser providos por membros efetivos do quadro de carreira do órgão ou entidade”.

No documento, Bruno cita a legislação federal para informar que o gestor pode responder por improbidade administrativa e crime de responsabilidade, caso insista na nomeação de nomes estranhos ao quadro.

carla

Em SJB, apesar de ainda não ter publicado, Carla anunciou o major Maxwell de Araújo no comando da Guarda

Projeto de Bruno Dauaire entre sugestões para tirar o Rio da crise

brunnO jornal Extra publicou (confira aqui) na edição desse domingo (13) uma lista de dez sugestões ao governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) para tirar o estado da crise. Entre os pontos apresentados está um projeto de lei do deputado estadual Bruno Dauaire (PR) que prevê a cobrança do imposto estadual sobre recursos declarados no programa de legalização de ativos mantidos ocultos no exterior.

A ideia do jornal Extra em enviar sugestões foi em resposta aos pedidos de ajuda feitos pelo governador para tirar o Rio da crise. O jornal reuniu dez sugestões de órgãos, deputados e especialistas em administração pública, diferentes das medidas contidas no pacote de ajuste fiscal levado pelo governo à Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj). As propostas, se trabalhadas corretamente, poderiam resultar em aumento de receitas ou diminuição de despesas, segundo seus autores.

Bruno Dauaire e Luis Passoni pedem a Dornelles recursos para a Uenf

Dornelles_BrunoO deputado estadual Bruno Dauaire (PR), presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Uenf, esteve hoje no Palácio Guanabara com o governador em exercício, Francisco Dornelles (PP), acompanhado do reitor da Uenf, Luis Passoni. Durante o encontro foi entregue ao governador um pedido de socorro para a instituição, que há um ano não recebe repasse das verbas de custeio.

– Temos buscado de várias formas manter a Uenf com suas portas abertas à comunidade acadêmica neste momento de grave crise. Já tivemos muitas conquistas, mas a situação continua séria e a universidade, por toda a sua importância para o Norte Fluminense e sua projeção nacional, precisa do empenho de todos nós. Apesar da conjuntura desfavorável ao governo do Estado, que enfrenta a falta de recursos, o que defendemos é que a Uenf esteja entre as prioridades na liberação de recursos, e esperamos que este encontro com o governador signifique um avanço na luta – disse o deputado.

Bruno esteve na sede do governo acompanhado do deputado estadual Dr. Julianelli (Rede). Também participou da reunião com Dornelles o chefe de gabinete da reitoria da Uenf, Raul Ernesto Palácio.

Bruno Dauaire: efetivo da PM na região não será deslocado para Olimpíadas

Bruno_PMO deputado estadual Bruno Dauaire (PR) informou na manhã desta quarta-feira (20) que os policiais militares do interior, especialmente do Norte Fluminense, não serão deslocados para atender à capital fluminense em agosto durante os jogos Rio 2016. “Ontem (19) me reuni com o comandante geral da PM, Duarte, e com o major Marcos (interlocutor da PM) para tratar de assuntos relacionados à segurança na região. Foi batido o martelo que nossos policiais não servirão às Olimpíadas e ficarão na região”, afirmou.

No encontro, Bruno aproveitou para conversar sobre melhor estrutura para PM, o retorno de policiais que tinham sido transferidos dos batalhões do interior e sobre a importância do Regime Adicional de Serviços (RAS) para dar suporte aos municípios do interior.

Bruno Dauaire é o novo líder do PR na Alerj

brunnO deputado estadual Bruno Dauaire é o novo líder do PR na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj). A função antes era de Jair Bittencourt. Como líder, Bruno já encaminhou nesta terça-feira (17) as votações da bancada na Alerj. Em seu primeiro mandato, Bruno tem mostrado bom desempenho em articulações e diálogos.

Bittencourt, ex-aliado de Garotinho, deixou o PR e ingressou no PP, partido do governador em exercício Francisco Dornelles.

Alerj anuncia R$ 1,5 milhão para a Uenf

Deputado Bruno Dauaire informa que recurso para auxiliar a Universidade já foi liberado

Deputado Bruno Dauaire informa que recurso para auxiliar a Universidade já foi liberado

O presidente da Alerj, Jorge Picciani (PMDB), autorizou a liberação de R$ 1,5 milhão para ajudar a Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf), que enfrenta a pior crise financeira de sua história. O recurso é do Fundo Especial da Assembleia Legislativa, resultado de economias feitas pela mesa diretora no custeio da Casa.

O pedido de utilização de parte do fundo para socorrer a Uenf foi feito pelo deputado estadual Bruno Dauaire (PR) em reunião do Colégio de Líderes. Ele reforçou a sugestão no início da semana passada, durante reunião do Parlamento Regional (aqui) na Câmara de Vereadores de Campos, que foi aprovada.

Bruno também havia sugerido, e teve sua proposta aprovada, na mesma reunião, a criação da Frente Parlamentar da Alerj em Defesa da Uenf, que já teve requerimento apresentado e ficará sob a presidência dele. O fundo da Alerj já havia sido usado para ajudar a Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Uerj) e a Fundação Centro Universitário Estadual da Zona Oeste (Uezo).

Deputado visita colégio em Atafona: “Não tá tranquilo, nem favorável!”

Bruno com alunos do Newton Alves onde um dia já foi uma quadra poliesportiva (Reprodução/Facebook)

Bruno com alunos do Newton Alves onde um dia já foi uma quadra poliesportiva (Reprodução/Facebook)

O deputado estadual Bruno Dauaire (PR) visitou ontem o Colégio Estadual Doutor Newton Alves, em Atafona, alvo de reclamações e protestos devido ao precário estado do prédio, conforme este blog mostrou aqui. Após repercussão do caso nas redes sociais e também matéria publicada na Folha da Manhã, Bruno informou (aqui) que “entrou na briga” na busca por soluções para os problemas.

Nesta sexta-feira, ele constatou pessoalmente a necessidade de intervenções no prédio. “O quadro é triste. Não tá tranquilo, nem favorável!”, escreveu Bruno em seu perfil em uma rede social, na qual também colocou fotos do prédio e em conversas com alunos.

Nesta semana (aqui), um protesto foi realizado em Atafona devido à situação de caos no prédio público, alem de apoio à paralisação dos professores da rede estadual. Contestada, a secretaria de Estado de Educação (Seeduc) informou que já enviou uma equipe da Empresa de Obras Públicas (Emop), conforme prometido mo mês passado (aqui). “A Emop já realizou vistoria no Colégio Estadual Doutor Newton Alves, em São João da Barra. No entanto, a Seeduc aguarda liberação orçamentária para planejar a realização de obras no local”, disse a secretaria em nota.

O deputado também esteve no Colégio Estadual Raimundo Magalhães, em Barcelos, 6º distrito de São João da Barra, e apontou que a situação não é muito diferente.

Projeto que torna procissão de N. Srª. da Penha patrimônio já tramita na Alerj

Procissao-da-Penha-3Após a coluna Caiu na Rede, assinada por este blogueiro toda terça, quinta e sábado na Folha da Manhã, lembrar no último dia 5 (aqui) da promessa feita em 2014 de tornar a procissão de Nossa Senhora da Penha – realizada em Atafona sempre oito dias após a Páscoa – em Patrimônio Cultural Imaterial do Rio de Janeiro, o deputado estadual Bruno Dauaire protocolou Projeto de Lei na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro.

A expectativa é que o PL seja aprovado antes das comemorações deste ano (confira a programação aqui). “Assinei um pedido de urgência. Vou pressionar, fazer de tudo para que seja aprovado antes da festa”, disse o deputado.

Em sue perfil no Facebook, o deputado publicou uma imagem falando sobre o projeto de lei. Em 2014, chegou a ser divulgado pela Prefeitura que a procissão receberia o título de Patrimônio Cultural Imaterial assinado por decreto do governador Luiz Fernando Pezão, que naquele ano esteve em Atafona no dia da festa. No entanto, nenhum documento comprovando tal ato foi entregue a Irmandade, responsável por toda a festa de Nossa Senhora da Penha, até hoje.

Na justificativa do PL, o deputado afirma que a procissão de Nossa senhora da Penha é um “traço marcante da cultura e da religião em nosso estado”.

arte bruno

Bruno Dauaire entra na briga por colégio de Atafona

Necessidade de obras no Newton Alves foi um dos assuntos abordados

Necessidade de obras no Newton Alves foi um dos assuntos abordados

Após uma aluna levar para as redes sociais imagens que retratam o estado crítico do Colégio Estadual de Newton Alves, este blog reproduzir o assunto (aqui e aqui) e a Folha da Manhã (aqui) abordar o caso, o deputado estadual Bruno Dauaire (PR) também entrou na briga. Na última quarta-feira (24), Bruno esteve na secretaria de Estado de Educação e, entre outros assuntos, a situação do Newton Alves também foi debatida. Vale destacar que após ser contestada, a secretaria informou que vai enviar uma equipe para avaliar os danos do prédio.

O deputado esteve com o chefe de gabinete da secretaria estadual de Educação, Caio Castro. Na oportunidade, mostrou reivindicações de alunos e professores das escolas em relação a vários problemas, entre eles a falta de vagas em unidades do Norte Fluminense. Bruno comentou sobre o panorama da educação na região e a necessidade da reforma do colégio de Atafona. “Estou acompanhando de perto e vou continuar cobrando. A diretoria regional precisa estar mais atenta a essas questões. Educação é prioridade absoluta. É um setor que não pode ser, de forma alguma, afetado pela crise”.

Copyright © 2010 - Folha da Manhã - Todos os direitos reservados