Categorias

Prefeita Rosinha. Compartilhar com colaboradores (Corredor logístico)

Sábado de manhã.

Agora à pouco no programa, entrevista coletiva, a prefeita Rosinha disse ter desconhecimento dos traçados do corredor logístico, da rodovia que liga Campos ao Açú, também dos prováveis novos traçados da nova BR 101, na passagem por Campos e de outras vias projetadas para o município e malha férrea a ser implantada. Nos invade a dúvida: Falta diálogo com o DER_RJ e ou outros órgãos competentes? Falta competência no pouco diálogo que tens com estes ? Ou talvez; por cotidiana ausência da cidade e também do estado, esteja a senhora prefeita, ficando inacessível à informações desta relevância. Podemos ainda somar mais um questionamento; em Brasília, deveriam estar trabalhando os dois deputados campistas: a prefeita busca ocupar este espaço, porque estes não demonstram eficiência nas suas deudas* por lá ?

Mapa abaixo está à disposição pública na rede

Clique para ampliar ( Croqui viário Campos dos Goytacazes e entorno)

No mais
A Alcáide e seus asseclas, entre eles o presidente do legislativo, ao microfone do programa da rádio onde sempre lhes é permitido falar sem censuras qualquer coisa que queiram ou lhes seja interessante, disse que enfrentou autoridades do Governo Federal, e afirmou a estas, que não autorizaria fazer em “sua cidade” isso ou aquilo em relação a interferências de estrutura viária. Perdoe prefeita Rosinha; em relação as demandas de nossa cidade, cabe divergência: Corredor logístico, anel viário, rodovias e ferrovias de interligação entre pólos de desenvolvimento, assuntos de infraestrutura e mobilidade não são assuntos de balcão político, discutidos entre empolgados ocupantes dos espaços da corte em um programa de rádio. São sim, assuntos vitais ao município, precisam ser tratados em gabinetes de trabalho, com profissionais qualificados, bem formados, eficientes e bem informados; é demanda para pranchetas e aplicativos adequados, municiados com ferramentas ideais e atualizadas. E mais: a cidade não é sua como disse repetidas vezes; é também nossa, excelentíssima Prefeita . Mudemos o tempo do verbo para, nós , não insistas no “eu”.

Dito popular: “O Eu, não faz nada, o “Nós,” movimenta o mundo e faz tudo !

* Deuda: Obrigação moral que uma pessoa tem para com as outras.

  • Add to favorites
  • del.icio.us
  • Digg
  • email
  • Facebook
  • Google Bookmarks
  • LinkedIn
  • Live
  • Orkut
  • PDF
  • Print
  • StumbleUpon
  • Technorati
  • Twitter

3 comments to Prefeita Rosinha. Compartilhar com colaboradores (Corredor logístico)

  • carlinhos j.carioca

    Infelizmente Murilo,ELA se acha realmente DONA da cidade,haja visto o seu marido ser atuante nas ações na nossa cidade,ou melhor,a familia,ja que seu filho essa semana a representou numa reunião com os feirantes do mercado municipal.Nos estamos “separados” das ações do Estado e Federal,pelo menos não aparece,embora sabemos que verbas são liberadas,mas quando são usadas,nós não sabemos onde.A propósito se ELA tivesse um pouco de humildade não poderia pedir um apoio ao Gov. do Estado e solicitando um apoio para uma solução do transito em relação aos “carrinhos irregulares”,que abrange tb as vans?Talvez naõ falte incompencia,mais sim,sobra prepotencia e arrogancia no posicionamento do “EU”,como dona do poder!

  • Pedrinho

    Caramba nenhuma estrada passando pela tapera, onde está no mapa a estrada cortando Ururaí ao meio. Isso ai parece conversinha tipo invencionisse juramentada saramandista divulgada nos blogs,rádios e outros meios gente candongueirinha.

  • Roberto Raul Wagner

    Essa gente que governa nosso Município não tem preocupações com o desenvolvimento do mesmo,estão se achando eternos donos da cidade,mas se esquecem que o tempo deles está passando e o Município continuará em sua luta.Daqui há pouco oito anos vão se completar com essa gente do poder sem projeto de cidade e Campos contuará a ver navios talvez no Açú.

Leave a Reply

 

 

 

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Copyright © 2010 - Folha da Manhã - Todos os direitos reservados