Categorias

A volta por cima do PSDB.

O PSDB se consolidou neste domingo (30) como o grande vitorioso das eleições municipais deste ano. Dos 19 candidatos tucanos que disputaram o segundo turno, o partido elegeu 14, sendo cinco de capitais: Porto Alegre (RS), Maceió (AL), Belém (PA), Manaus (AM) e Porto Velho (RO). Ao todo, serão 807 cidades em todo o país governadas por tucanos, o que mostra a força da “Onda Azul” que tomou conta do país nas disputas municipais, recebendo mais de 21 milhões de votos nos dois turnos.

Sete capitais brasileiras terão prefeitos do PSDB nos próximos quatro anos: São Paulo, Porto Alegre (RS), Maceió (AL), Manaus (AM), Belém (PA), Teresina (PI) e Porto Velho (RO). É o maior êxito de um partido político nas urnas em 2016, comprovando o desejo da população brasileira de eleger candidatos do PSDB.

No estado do Rio de Janeiro o PSDB ganhou a prefeitura de 02 municípios: Conceição de Macabu e Mesquita, e manteve o mesmo número 2012. Já no quesito vereadores, o PSDB elegeu 54 vereadores em todo o Estado.

De 2012 para 2016, os votos no PSDB em território fluminense cresceram 331,10%, saltando de 121.265 para 522.718.

Em Campos, passamos de 2.188 votos em 2012 para 11.283 votos em 2016, um crescimento de 415,67%, mesmo com toda a dificuldade que tivemos desde o início do processo eleitoral. Elegemos 01 vereador, fato que não acontecia desde 2004.

Infelizmente, e não por vontade desta executiva, não conseguimos ter a tão sonhada e trabalhada candidatura própria. Decisões partidárias acima da nossa alçada selaram uma composição que não contou com a anuência da executiva local. Buscamos e apresentamos à Executiva Estadual uma composição mais afeita aos ideais tucanos. Fomos voto vencido. Vida que segue.

Resta-nos agora dar um novo rumo ao PSDB de Campos, buscando em nossas bandeiras o caminho para mantermos em marcha nosso crescimento, trabalhando por candidaturas próprias para Deputado Estadual e Federal nas eleições de 2018 com pessoas que coadunem com o real espírito tucano.

A “Onda Azul” que tomou conta do país não tem prazo para acabar e estará ainda mais forte nas eleições de 2018, onde nossa expectativa é recolocar o Brasil e os Estados no rumo do desenvolvimento sustentável, com responsabilidade e acreditando que a política é o valioso instrumento da sociedade democrática para superar as dificuldades que se apresentam.

Compartilhe
  • Add to favorites
  • del.icio.us
  • Digg
  • email
  • Facebook
  • Google Bookmarks
  • LinkedIn
  • Live
  • Orkut
  • PDF
  • Print
  • StumbleUpon
  • Technorati
  • Twitter

10 comments to A volta por cima do PSDB.

  • Roberval

    Em campos o psdb só não avançou por culpa daqueles que quiseram ficar com os garotinhos.
    Intervenção já no psdb local!!
    PSDB

    • Robson Colla

      Boa tarde, Roberval.

      Acho que não leu o texto com atenção.

      A Executiva Municipal conversou com TODOS os partidos de oposição e firmou posição, ao final, com o PPS. Entretanto, houve uma DECISÃO da Executiva ESTADUAL para que houvesse a coligação com PR local que, em troca, garantiu apoio ao PSDB em outros municípios do Estado (Cabo Frio, Rezende e outros que não lembro!).

      À Executiva Municipal não sobrou outra alternativa que não fosse cuidar da candidatura proporcional, que foi o que fizemos.

      Fraternal abraço.

  • PAULO HENRIQUE

    Nos momentos de crises é comum que população se distraia e siga em torno do conservadorismo.

  • leonardo costa

    Há muito tempo que o PSDB de Campos apoia o grupo de Garotinho.Poderia estar bem melhor na fita.

  • ALEX

    AVANÇO ?

    SER PEGO EM FLAGRANTE COM CANDIDATOS E VEREADORES DO PARTIDO E COLIGAÇAO É AVANÇAR ?

    POR AQUI HOUVE É RETROCESSO DE UM PARTIDO VENDIDO AO GAROTINHO DESDE A EPOCA DE GERALDO COUTINHO POR CONTA DO EMPRESTIMO DO FUNDECAM QUE NAO PAGA DE JEITO NENHUM…

    E CLARO GAROTINHO ESQUECEU DISSO TUDO…

    • Robson Colla

      Alex, bom dia!

      Pelo teor de seu comentário entendo ser você mais um dos que comentam pelo “ouvir falar”, sem real conhecimento de causa, aliás, uma imbecilidade que acomete a muitos nesses tempos de mídias sociais.

      O PSDB NÃO coligou com NENHUM partido na eleição proporcional. Fizemos uma chapa puro sangue com 38 candidatos. Não tome o todo por parte. Tivemos como candidatos pelo PSDB médicos, dentistas, empresários, funcionários públicos federais (Petrobrás e AGU), vendedores, estudantes etc. Ou seja, por eventual falha de 01 ou 02 integrantes do partido você condenou todos. Prática típica dos esquerdistas de plantão.

      Se conhecesse um pouco a história do partido em Campos saberia que o PSDB foi para o governo da Rosinha no segundo turno do 2008, na gestão de Feijó. Por aí se vê o quanto de irreal e estúpido é esse comentário.

      Por fim, em minha gestão, que começou em 2015, busquei ter candidatura própria, conforme informei na resposta ao Roberval anteriormente.

      Fraternal abraço e obrigado pela leitura do post.

      Robson Colla

  • Plinio

    O PSDB em Campos teve sim seu crescimento, basta ver a votação mostrada no artigo. Imagino que vá ter espaço no governo municipal a partir do ano que vem, tendo em vista o peso do partido a nível Estadual e Federal. Pena ter elegido apenas 01 vereador, pois merecia ter elegido no mínimo 03. Mas outras eleições virão.

    Parabéns aos tucanos campistas!!!

    • Robson Colla

      Bom dia Plínio,

      Obrigado pela torcida! Sim, pena termos elegido somente 01. Mas são as contingências políticas. Procurei fazer uma nominata homogênea e com muitas pessoas novas na política. Somente 4 ou 5 dos nossos 38 candidatos já tinham sido candidatos anteriormente. Ainda assim, acredito que avançamos, pois trouxemos para a políticas pessoas de bem que emprestaram seu nome e sua vontade para tentar melhorar o nível político de nossa cidade. Foram advogados, médicos, empresários, vendedores, funcionários públicos federais, estaduais e municipais, dentistas, estudantes, enfim, uma mescla de nossa sociedade e, o mais importante: sem os vícios da velha política. Assim entendemos o verdadeiro processo democrático.

      Grande abraço!

      Robson Colla

  • Daniela

    Tenho pena do Brasil “na mão” do PSDB. Ou melhor, “na mão” dos ricos desse país. Basta analisar o país na era FHC.

  • Decio Barcelos

    O, psdb, ao apoiar e indicar Mauro Silva, aluno do mestre Garotinho, , sabia que nao tinha chance, de conseguir nada, ia. Ter que comer na lapa, A partir desta negociacao, o psdb, seja la. quem for, vendeu, o pouco, de chance que tinha, vai continuar sempre o segundo, nao tem posicao na politica, quer estar, sempre em segundo, lugar, na aba dos outros partidos, .

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

  

  

  

Copyright © 2010 - Folha da Manhã - Todos os direitos reservados