Categorias

Sem explicação

O ex-delegado do Dops, e assassino confesso, Cláudio Antônio Guerra volta aos holofotes no bojo das estranhas acusações de corpos incinerados na Usina Cambaíba, feitas em seu livro “Memórias de uma Guerra Suja”. Além das contradições já encontradas pelo MP, fica uma questão no ar: quais motivos levariam os agentes da ditadura a correrem graves riscos de serem descobertos atravessando o estado transportando de carro os corpos das suas vítimas para serem incinerados aqui, quando existiam milhares de fornos, e outros tantos meios de dar sumiço neles, no Rio de Janeiro e seu entorno?

Compartilhe
  • Add to favorites
  • del.icio.us
  • Digg
  • email
  • Facebook
  • Google Bookmarks
  • LinkedIn
  • Live
  • Orkut
  • PDF
  • Print
  • StumbleUpon
  • Technorati
  • Twitter

Ufa!

Agora é lei. O nome da ponte entre São João da Barra e São Francisco do Itabapoana será oficialmente “Ponte da Integração”. Que alívio. Assim fecha-se a porta para homenagens fúteis a políticos vivos (ou vivíssimos) que tanto trabalho dão para serem desfeitas…

Compartilhe
  • Add to favorites
  • del.icio.us
  • Digg
  • email
  • Facebook
  • Google Bookmarks
  • LinkedIn
  • Live
  • Orkut
  • PDF
  • Print
  • StumbleUpon
  • Technorati
  • Twitter

Velas, muitas velas

Alguma coisa está muito errada quando um município rico como Campos gasta a metade dos seus polpudos rendimentos dos royalties do petróleo com empreiteiros e publicidade, e um projeto como o “Orquestrando a Vida”, que promove a cultura musical e dá esperanças de uma vida melhor a dezenas de jovens, anda à míngua, ao ponto de precisar realizar uma oração coletiva nessa segunda-feira, às 18h, para pedir a Deus que envie seu socorro e ilumine as autoridades para que tenham compreensão e não deixem que um projeto dessa importância seja extinto. Favor levar velas. Muitas velas…

Compartilhe
  • Add to favorites
  • del.icio.us
  • Digg
  • email
  • Facebook
  • Google Bookmarks
  • LinkedIn
  • Live
  • Orkut
  • PDF
  • Print
  • StumbleUpon
  • Technorati
  • Twitter

Pelinca sem lei

Na madrugada de terça, com o dia já clareando, cinco brigas e tiroteio na saída de uma boate na Pelinca deixaram os vizinhos sobressaltados. A coisa está ficando feia.

Compartilhe
  • Add to favorites
  • del.icio.us
  • Digg
  • email
  • Facebook
  • Google Bookmarks
  • LinkedIn
  • Live
  • Orkut
  • PDF
  • Print
  • StumbleUpon
  • Technorati
  • Twitter

Garotinho, Rosinha e Clarissa dão mau exemplo contra as leis de trânsito

Mau exemplo I

Não fica bem, e é perigoso, para a bela deputada Clarissa Matheus trafegar em cima do estribo, agarrada a janela, pelo lado de fora do carro, em uma carreata (essa foto está no blog do pai). Além de contrariar as leis de trânsito que deveria defender, é um péssimo exemplo.

Mau exemplo II

Falando nisso, trafegar com passageiros no compartimento de carga também não é proibido? Pois a filha estava pendurada na janela do carro que levava na caçamba o seu próprio pai, o deputado federal Garotinho. Veja só na foto acima como um mau exemplo se espalha… Coibir esse tipo de atitude é um dever do Grupamento de Trânsito da Guarda Municipal de Campos.

Mau exemplo III

Quer dizer, fica difícil para o Grupamento de Trânsito da Guarda Municipal de Campos coibir a infração de trânsito quando o mau exemplo vem de cima, no caso, da própria prefeita de Campos Rosinha Garotinho, esposa e mãe dos deputados acima.  Mas ainda resta a PM e o MP que podem tomar medidas para evitar que esse tipo se repita nas campanhas eleitorais de todos os candidatos .

O que diz a Lei

No caso de Clarissa

Infração Grave com perda de 5 pontos no prontuário:

Conduzir pessoas, animais ou cargas nas partes externas do veículo, salvo em casos autorizados – Multa de R$ 127,69 e retenção do veículo para transbordo. Deixar de guardar distância segura, lateral ou frontal, de outro veículo – Multa de R$ 127,69.

No caso de Garotinho e Rosinha

Infração Gravíssima com perda de 7 pontos no prontuário:

Conduzir veículo transportando passageiro em compartimento de carga configura infração de trânsito de natureza gravíssima, prevista no artigo 230, inciso II, do Código de Trânsito Brasileiro, sujeita à multa de R$ 191,54 e 7 pontos no prontuário. Como o dispositivo prevê, além da multa, a penalidade de APREENSÃO do veículo (e não somente a RETENÇÃO para sanar a irregularidade), o veículo deve ser removido ao pátio, onde ficará sob custódia do órgão executivo de trânsito estadual (DETRAN / CIRETRAN), pelo prazo fixado pela autoridade de trânsito, que pode variar de 1 a 10 dias, conforme Resolução do CONTRAN nº. 53/98.

Compartilhe
  • Add to favorites
  • del.icio.us
  • Digg
  • email
  • Facebook
  • Google Bookmarks
  • LinkedIn
  • Live
  • Orkut
  • PDF
  • Print
  • StumbleUpon
  • Technorati
  • Twitter

Búzios em baixa

Segundo pesquisa realizada pelo site de hospedagem “Hotéis.com”, Búzios deixou de figurar na lista dos dez destinos turísticos mais visitados por estrangeiros no país. A culpa seria dos preços altos, serviços que nem sempre condizem com aquilo que é cobrado, e períodos marcados por más gestões na administração.

Compartilhe
  • Add to favorites
  • del.icio.us
  • Digg
  • email
  • Facebook
  • Google Bookmarks
  • LinkedIn
  • Live
  • Orkut
  • PDF
  • Print
  • StumbleUpon
  • Technorati
  • Twitter

Truquezinho ordinário

Truquezinho ordinário I

Sabe aquela lata de azeite caríssima ao lado de uma um pouco mais barata na prateleira do supermercado? Não é para vender. Ela é apenas uma isca para você comparar os preços e comprar a mais “barata” que, na realidade, está muito mais cara do que deveria. Esse truquezinho ordinário é utilizado para iludir os consumidores na compra de uma infinidade de produtos. Fique atento, a prática se tornou comum em Campos…

Truquezinho ordinário II

Falando em consumo, mais um truque ordinário virou moda em Campos: particionar e reembalar produtos, como bacalhau, bacon, queijos etc, fora da data de validade. Na nova “embalagem” só vai a etiqueta do supermercado com data em que a operação foi realizada dando vida nova ao produto velho. Fique atento.

Compartilhe
  • Add to favorites
  • del.icio.us
  • Digg
  • email
  • Facebook
  • Google Bookmarks
  • LinkedIn
  • Live
  • Orkut
  • PDF
  • Print
  • StumbleUpon
  • Technorati
  • Twitter

Vaticínio de Makhoul

“Nessa eleição vou ganhar musculatura para em 2016 ganhar a prefeitura”. (Makhoul)

Compartilhe
  • Add to favorites
  • del.icio.us
  • Digg
  • email
  • Facebook
  • Google Bookmarks
  • LinkedIn
  • Live
  • Orkut
  • PDF
  • Print
  • StumbleUpon
  • Technorati
  • Twitter

Corredor de investimentos

A Avenida Arthur Bernardes vai se moldando como o maior corredor viário de Campos. De olho no movimento, uma rede de postos de combustíveis já se prepara para construir um grande posto na via, além de uma grande rede de supermercados, que já garantiu uma área na esquina com a Avenida Alberto Lamengo para a sua segunda loja na cidade.

Compartilhe
  • Add to favorites
  • del.icio.us
  • Digg
  • email
  • Facebook
  • Google Bookmarks
  • LinkedIn
  • Live
  • Orkut
  • PDF
  • Print
  • StumbleUpon
  • Technorati
  • Twitter

Os dois lados da moeda

Campos pode até estar bem na geração de empregos, mas na qualificação e oferta de mão de obra está um zero à esquerda. Por isso tem tanta gente de fora ocupando vagas bem remuneradas que deveriam ser dos campistas.

Compartilhe
  • Add to favorites
  • del.icio.us
  • Digg
  • email
  • Facebook
  • Google Bookmarks
  • LinkedIn
  • Live
  • Orkut
  • PDF
  • Print
  • StumbleUpon
  • Technorati
  • Twitter
Copyright © 2010 - Folha da Manhã - Todos os direitos reservados