Goleiro da Chapecoense retorna ao Brasil

Jackson Follmann teve uma das pernas amputadas (foto: chapecoense.com)

Jackson Follmann teve uma das pernas amputadas (foto: chapecoense.com)

Jackson Follmann, goleiro reserva da Chapecoense e um dos sobreviventes da tragédia de Medellín, já embarcou de volta ao Brasil. O avião deve pousar em São Paulo por volta de 1h30 (horário de Brasília) de amanhã. O jogador, que teve a perna direita amputada, ficará internado no hospital Albert Einstein, na capital paulista, onde deverá ser submetido a uma cirurgia na vértebra. No voo, Follmann, será acompanhado pelo cardiologista Francisco Souto, chefe médico da aeronave. “Teremos uma escala técnica em Manaus”, disse o médico. O jornalista Rafael Henzel e o lateral Alan Ruschel também retornarão ao país nesta semana e são esperados em Chapecó na quarta-feira. Eles estão estáveis e ficarão internados num hospital da cidade.

Pré-temporada do Roxinho será em Campos

A diretoria do Campos Atlético definiu que o trabalho de preparação para a disputa do Campeonato Estadual da Série A será realizado em Campos, a partir do dia 23, data de reapresentação dos jogadores na sede do clube. Segundo destaca o vice-presidente de futebol, Mauro Farias, o objetivo é deixar o grupo mais próximo da torcida, potencializando a “onda roxa” que está tomando conta da cidade.

Faria acredita que a aproximação será fundamental até mesmo na captação de patrocinadores na cidade. “Num primeiro momento, optamos por levar a pré-temporada para o Rio, por conta da estrutura que havíamos conseguido lá. Entretanto, identificamos que a aproximação com o campista, que tanto nos apoiou no acesso, será fundamental. Além disso, nos permitirá a oportunidade da criação de ações e iniciativas com as empresas de Campos que patrocinarão o time”, destaca.

Vasco em tempo de “vencer ou vencer”

Luan, na entrevista coletiva após o treino de hoje (foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

Luan, na entrevista coletiva após o treino de hoje (foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

“Vencer ou vencer”. Já preocupado com o risco de não conseguir uma das quatro vagas de acesso à Série A do Campeonato Brasileiro da próxima temporada, o Vasco toma emprestado o lema de Francisco Horta, ex-presidente do Fluminense, para os quatros jogos restantes da Série B. E começa a colocá-lo em prática na noite de amanhã (terça-feira), às 21h30, em São Januário, contra o Luverdense. Enquanto o time mato-grossense ocupa a nona posição, com 50 pontos, o Vasco é o vice-lider, com 58, seis a menos que o líder Atlético-GO e quatro a mais que Náutico e Londrina, quinto e sexto, respectivamente.

O zagueiro Luan, na entrevista coletiva após o treino da manhã de hoje, garantiu que o lema é pensamento único no grupo vascaíno. “Temos conversado e posso garantir que está todo mundo chateado com essa situação. Não tem como explicá-la, tivemos um início do ano, de janeiro a agosto, perfeito, mas as coisas desandaram. No momento, precisamos vencer, não importa como. Para reconquistarmos o torcedor e mostrarmos que ainda somos o time do primeiro semestre, que ficou 35 partidas sem perder e foi campeão estadual invicto, temos que ganhar. Vencendo, as coisas começarão a fluir e tudo começará a dar certo outra vez. A palavra que não sai da nossa cabeça é vitória”, disse.

Três titulares são desfalques garantidos: Martín Silva, convocado para a seleção do Uruguai, e Madson e Douglas, que cumprirão suspensão pelo terceiro cartão amarelo. No treino de hoje, o técnico Jorginho definiu que o goleiro será substituído por Jordi, enquanto Yago Pikachu atuará na lateral direita. O substituto do volante Douglas o treinador deve anunciar instantes antes da partida.

Friburguense leva Copa Rio sem taça

(foto: Úrsula Nery - FFERJ)

(foto: Úrsula Nery – FFERJ)

Emoção não faltou na decisão da Copa Rio, na tarde de ontem, na Arena da Ilha do Governador. Vencendo a Portuguesa na “decisão por pênaltis”, o Friburguense se sagrou campeão da competição pela primeira vez. O troféu não foi entregue porque a homologação da conquista depende de um julgamento do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-RJ), sem data definida. O time da Capital aponta uma irregularidade na contratação e inscrição do zagueiro Diego Guerra, do Friburguense.

No primeiro tempo, o time da Serra abriu uma vantagem de 2 a 0, com gols de Lohan, ambos de pênalti. Victor Hugo, de cabeça, diminuiu para a Lusa.

No segundo tempo, veio a virada da Portuguesa, que chegou a 4 a 2 com gols de Romarinho, Rodrigo Almeida e Allan. O mesmo Alan desperdiçou duas cobranças de pênalti. No último lance, o goleiro Luiz Felipe foi para a área e marcou de cabeça o gol que diminuiu a vantagem da Lusa para um gol.

Como o placar do primeiro jogo foi vitória do Friburguense por 3 a 2, o título foi decidido nos “pênaltis”, com a Lusa acertando três cobranças enquanto o os friburguenses mandaram quatro bolas para as redes e fizeram uma grande festa. (A.N.)

Fla x Timão e Gre-Nal terão bola na cor rosa

20161020165015_1O Brasileirão 2016 entra na campanha no Outubro Rosa. Neste domingo (23), as partidas Flamengo x Corinthians e Grêmio x Internacional serão disputadas com bolas especiais, uma iniciativa das diretorias de Marketing e Competições da CBF.
A utilização da bola rosa nesses clássicos, que serão disputados às 17h no Maracanã e Arena do Grêmio, respectivamente, visa à conscientização quanto à necessidade de realização de exames para diagnóstico precoce e tratamento do câncer de mama.
O movimento mundial Outubro Rosa mostra, de modo belo e artístico, a importância da luta contra o câncer que mais mata mulheres em todo o planeta.

(texto e foto: cbf.com.br)

Rafael Soriano renova contrato com o Roxinho

Soriano renovou contrato para treinar o Campos na Série A (foto: Carlos Grevi)

Soriano renovou contrato para treinar o Campos na Série A (foto: Carlos Grevi)

Rafael Soriano, melhor treinador do Campeonato Estadual da Série B neste ano, assinou na tarde de hoje a renovação de seu contrato com o Campos para o Estadual da Série A de 2017. “Chegamos a um acordo, com era desejado pelas duas partes. Assim, estaremos no comando da equipe no Estadual”, disse.

O planejamento para a próxima temporada será anunciado na próxima quarta-feira, quando o Campos Atlético Associação comemora 104 anos de fundação. Na oportunidade, Fernando Simone, gerente de futebol do clube, vai falar sobre a pré-temporada, a renovação de contratos de atletas que permanecerão no grupo, além da contratação de reforços.

Campos vence Itaboraí e está na Primeira Divisão

Atualização (16h55) – Fim de jogo em Saquarema – placar: Itaboraí 0x2 Campos.

Atualização (16h54) – Em Saquarema, 46 minutos do segundo tempo – placar: Itaboraí 0x2 Campos.

Atualização (16h51) – Em Saquarema, 44 minutos do segundo tempo – placar: Itaboraí 0x2 Campos.

Atualização (16h45) – Em Saquarema, 38 minutos do segundo tempo – placar: Itaboraí 0x2 Campos.

Atualização (16h29) – Em Saquarema, 21 minutos do segundo tempo – placar: Itaboraí 0x2 Campos.

Começou neste instante o segundo tempo do jogo entre Itaboraí e Campos, em Saquarema. O Roxinho está vencendo por 2 a 0, com gols de Vinicius Paquetá (13 minutos – 1º tempo) e Anderson Manga (45 minutos – 1º tempo). A vitória garante a classificação da equipe campista para o Campeonato Estadual da Série A na próxima temporada. A Rádio Continental (AM 1270), do Grupo Folha, está transmitindo, com narração de Arnaldo Garcia.

Jogadores do Roxinho comemoram primeiro gol, marcado por Vinicius Paquetá (foto: Carlos Grevi)

Jogadores do Roxinho comemoram primeiro gol, marcado por Vinicius Paquetá (foto: Carlos Grevi)

Morre Fábio Lemos Benzi

Acaba de ser noticiada na Rádio Continental (AM 1270) a morte de Fábio Lemos Benzi, um dos grandes nomes do esporte regional. Fabinho, como era carinhosamente chamado por amigos e desportistas, foi pedalista de primeira grandeza, com muitas conquistas da Prova Ciclística do Santíssimo Salvador. As primeiras informações dão conta de que ele estava treinando na região do Açu, teve um mal súbito e morreu durante o procedimento de socorro.

STJD mantém punição ao Angra dos Reis e Goytacaz continua na Série B

Por unanimidade, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), manteve a punição de perda de 17 pontos ao Angra dos Reis, o que rebaixa o clube do Sul Fluminense para a Série C do Campeonato Estadual. Assim, o Goytacaz fica mantido na Série B, sem a disputa do Grupo X. No julgamento, o Alvianil campista foi defendido pelo advogado Fábio Menezes.

“Caso do WhatsApp”: por 6 votos a 1, STJD determina exclusão do Americano do Campeonato Estadual da Série B

Atualização (12h12) – Cobertura completa amanhã nas páginas da Folha da Manhã.

Atualização (12h11) – Agora é aguardar como fica a situação da Série B. Como e quando a competição deste ano será retomada? A exclusão do Americano se dará no campeonato inteiro ou só no returno? Quem disputará o Triangular Final? O departamento técnico da Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj) deve se posicionar nas próximas horas.

Atualização (12h04) – Resultado final no STJD determina exclusão do Americano do Campeonato Estadual da Série B por 6 votos a 1. Multa foi reduzida para R$ 51 mil.

Atualização (12h03) – Americano vai perdendo no STJD, cujos auditores estão votando pela exclusão do clube campista do campeonato.

Atualização (12h) – Quarto auditor confirma voto. Americano vai perdendo por 4 a 1 no STJD.

Atualização (11h58) – Quarto auditor anuncia que também seguirá o procurador, votando pela exclusão do Americano do campeonato.

Atualização (11h57) – Terceiro auditor também segue o procurador, votando pela exclusão do Americano do campeonato.

Atualização (11h52) – O segundo auditor vota pela negação dos dois recursos. No seu entendimento, o Americano não pode ser excluído, mas também não tem direito de que a multa de R$ 102 mil seja reduzida.

Atualização (11h32) – Primeiro auditor segue o procurador, votando pela exclusão do Americano do campeonato, sem que haja rebaixamento.

Atualização (11h22) – Situação do Americano não é boa no STJD. Vamos aguardar os votos.

Atualização (11h20) – Procurador diz que a manipulação de resultado ficou evidenciada, conforme defende o advogado do Itaboraí, e recomenda exclusão do Americano do campeonato, sem o rebaixamento do Alvinegro. Agora, vão falar e votar os relatores.

Atualização (11h10) – Falando agora o procurador, que diz ver incoerências nas decisões do TJD-RJ.  

Atualização (11h) – Falando agora o advogado do Itaboraí, Michel Assef Filho, que pede a exclusão do Americano da competição.

Atualização (10h53) – Advogado do Americano pede absolvição e lembra que o clube é primário. “O clube não concorreu para qualquer tipo de manipulação. E não há qualquer tipo de prova em relação a essa manipulação de resultado, como denunciado. A gravação não prova que o dirigente procurou qualquer clube e também é decisão interna do Americano a utilização de atletas considerados titulares ou reservas em qualquer partida.O tribunal não pode avaliar e condenar uma decisão que é pertinente ao treinador e seus métodos de trabalho”.

Atualização (10h48) – Neste instante, fala o advogado do Americano, Teotônio Chermont.

Atualização (10h34) – Iniciada a sessão. O presidente começa a leitura do histórico do “Caso do WhatsApp”, que envolve Americano e Itaboraí.

Atualização (10h28) – Sessão atrasada em aproximadamente 30 minutos. Auditores alegam trânsito pesado na capital paulista. Ressaltando que a sessão do STJD acontece na sede da Federação Paulista de Futebol (FPF).

Atualização (10h22) – O Caso do Angra dos Reis, que envolve Goytacaz e Duque de Caxias, não será analisado hoje pelo STJD. Nova data ainda não está marcada.

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) julga dentro de instantes o “Caso do WhatsApp”, responsável pela paralisação do Campeonato Estadual da Série B antes da disputa do Triangular Final. No Tribunal de Justiça Desportiva do Rio de Janeiro (TJD-RJ), o caso foi apreciado em duas oportunidades, quando o Americano não foi punido no campo esportivo, ficando apto à disputa, junto do Campos e Nova Iguaçu. Ao clube campista foi imposta uma multa em torno de R$ 102 mil.

O STJD também avalia hoje o Caso do Angra dos Reis, que, por utilização irregular de um atleta, foi punido com a perda de 17 pontos, o que provocou seu rebaixamento. Caso a situação se reverta, Goytacaz e Duque de Caxias terão que disputar o Grupo X.

Os auditores já estão no plenário de STJD. Havia a expectativa que o caso envolvendo o Americano ficasse para o fim, mas houve uma inversão de pauta e este será o primeiro a ser apreciado pelos auditores.

A partir de agora, acompanhe aqui o julgamento em TEMPO REAL.

Copyright © 2010 - Folha da Manhã - Todos os direitos reservados