Folha Digital Folha Digital
    Publicidade

Publicidade

Institucional

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade
    PublicidadePublicidade
Folha na Foz

Carla Machado fala sobre seus desafios

Mário Sérgio Junior 

A prefeita de São João da Barra, Carla Machado (PP), falou sobre as dificuldades do início da sua gestão e garantiu que irá realizar um reforma administrativa para a redução de secretarias e cargos comissionados. Algumas informações chegaram a ser anunciadas na coluna Caiu na Rede, assinada pelo jornalista Arnaldo Neto e publicada na edição dessa terça-feira da Folha da Manhã e também em seu blog hospedado na Folha Online.

Carla lembrou que já fez um decreto de Emergência Econômica no município. “Nesse decreto já há um contingenciamento de 20% (dos cargos comissionados). Eu pedi para que fosse 20% agora, mas a minha pretensão é de ser um contingenciamento até maior, na ordem de 30% nesse primeiro ano, mas 20% já vai se ter de economia em termos de pessoal. Foi publicado em dezembro, na Folha da Manhã, que o município estava com seu limite (para gastos com pessoal) quase que alcançado, de 51%, se não me engano. 51% ou 53%, estou em dúvida aí. Então, a gente não tem como ultrapassar esse limite sob pena de contrariar a lei de responsabilidade fiscal. Essa análise eu só vou poder ter de forma correta após o fechamento da folha. Hoje a ordem é o mínimo, mínimo, mínimo para que a gente possa iniciar nosso trabalho, até que a gente tenha dados melhores. A reforma administrativa nós faremos sim. E não vai ser no Gabinete de Gestão de Crise, que cuidará do passivo deixado pelo governo anterior. A secretaria de Administração, em conjunto com as demais secretarias e com nosso Gabinete, é que vai proceder essa reestruturação administrativa. Redução já está havendo. Não houve nomeação para secretário de Comunicação, que (a secretaria) vai ser extinta. Não houve nomeação para secretário de Pesca, que vai unificar com Agricultura. E não houve nomeação para secretário de Trabalho e Renda. A princípio, essas três secretarias já estão iniciando essa transição para que se transformem em subsecretarias. A Comunicação vai estar associada a outra secretaria. A Chefia de Gabinete, provavelmente, se transformará em secretaria de Governo. E nós pretendemos estar criando duas secretarias que nós consideramos importantes demais para a administração. Temos no município um dos maiores empreendimentos privados do mundo, que é complexo Porto Indústria do Açu. Nós temos que dar a esse empreendimento atenção especial, no intuito de estar buscando através desse empreendimento fomentar a economia do município, com aproveitamento melhor da mão de obra local. E a outra é a questão da Segurança Pública ou, que a gente está discutindo, a secretaria de Ordem Pública, para que a gente possa ter um desenvolvimento sustentável. São João da Barra vai ter ordem, bandido não vai se criar”, disse.

A prefeita também abordou a questão do salários de dezembro dos servidores e da segunda parcela do 13º, que estão atrasados. “Com o pagamento dos efetivos, não tenho previsão, não posso falar de datas. Posso assegurar que é nossa prioridade. O nosso mês vai ser cumprido, como sempre foi nos meus oito anos de governo. Os demais eu vou fazer um esforço. Só não tenho dados suficientes para dizer o dia em que vai ser pago, se vai ser pago em uma parcela, se serão em mais parcelas. Eu preciso de um estudo maior. Não adianta eu chegar aqui falar uma coisa e não ser cumprida amanhã. Então, nós vamos tratar o servidor municipal com todo respeito e carinho”, argumentou.

Sobre o vale-transporte, Carla declarou: “A princípio, a gente pode até, se não disponibilizar pela empresa Campostur, substituir por condução, ônibus que possam trazer e levar funcionários de Campos e outros vindos do 5º distrito também. Essa é uma análise que ainda estamos fazendo. Está muito complicada a gestão, dados oficiais, histórico das coisas, até o sistema só tivemos acesso na quarta-feira (dia 4). Nem senha a gente tinha”. 

11/01/2017 11:00
Ainda não há comentários para Carla Machado fala sobre seus desafios

Deixe seu comentário

Quantidade máxima de 350 caracteres